24 de janeiro de 2016

"Faz desconto?"

O texto que vos escrevo hoje não reflecte qualquer situação específica que me aconteceu mas é apenas um conselho e um "abrir de olhos" que, se fosse no meu caso, iria gostar de o receber (se bem que este assunto já foi mais que debatido e falado mas, pelos vistos, as pessoas continuam a ser enganadas e nem se dão conta...).

Estou a falar das campanhas promocionais que vemos, todos os dias, as lojas das mais diversas áreas a oferecerem às pessoas. Como a loja A faz X% de desconto, as pessoas ficam todas contentes (não fazem as contas a ver se realmente pouparam algum dinheiro) e depois sentem-se na obrigação e consciência moral de pedir descontos a torto e a direito em todo o lado que entram - até no café.

18 de janeiro de 2016

A dificuldade em respeitar uma fila

O post de hoje é sobre algo que sinceramente me incomoda, não só do lado do balcão onde os clientes estão, mas também do lado de dentro do balcão de um espaço onde há atendimento ao público. Estou a falar das pessoas que tentam - a todo o custo, por vezes - furar a fila.

Isto não aconteceu só hoje mas hoje foi uma daquelas vezes em que não só fiquei eu incomodado como também o cliente que eu estava a atender. Eu trabalho numa Farmácia e, tudo bem, que a maior parte das pessoas, quando entra lá, está doente, quer despachar-se o mais rapidamente possível e ir para casa. Eu entendo isso. Consigo entender que numa altura de desespero não queiram ficar muito tempo à espera mas, digamos, que há limites.


17 de janeiro de 2016

Nova Parceria - BLOGGING


Antes de mais, peço desculpa pela minha ausência no blogue. Estes últimos dias (e primeiros do ano) têm sido de agitação e de bastante trabalho, pelo que não tenho conseguido arranjar tanto tempo para vir aqui escrever-vos alguma coisa quanto queria.

No entanto, e tendo encontrando agora algum tempo, venho aqui falar-vos da primeira parceria d'O Pinguim Sem Asas - a plataforma Blogging. Resumidamente, conto-vos o que é: o Blogging é uma plataforma portuguesa que foi criada com o objectivo de juntar todos os blogues portugueses num só lugar, tendo em conta os diferentes blogues e em que categorias se inserem (Actualidade, Beleza e Cosmética, Entretenimento, Lifestyle, Cozinha, entre outros), tornando-se mais fácil para os leitores encontrarem o que procuram e o blogue que lhes interessam.


7 de janeiro de 2016

A minha experiência com: #6 | URIAGE - Hyséac Gel de Limpeza

Penso que já falei aqui no blogue que tenho uma pele oleosa. O que é normal, uma vez que estima-se que 85% da população portuguesa masculina tenha pele oleosa e eu não sou excepção. Posso dizer-vos que inicialmente tinha a pele seca e que no espaço de dois anos a pele do meu rosto "passou" de seca a muito oleosa, o que fez com que eu começasse a ter mais cuidados com a minha pele nomeadamente a procurar produtos com acção seborreguladora (de forma a não ter aquele excesso de brilho desagradável e feio que é de óleo) mas que ao mesmo tempo hidratem. Para além disso, e algo muito importante especialmente em peles oleosas, um cuidado de limpeza. Simples e prático!

Nesta minha procura, confesso que já experimentei muitos produtos de limpeza mas há dois pelos quais me apaixonei: um que mais para a frente irei falar dele (vou deixar o mistério no ar... :) ) e o outro foi este - Uriage Hyséac Gel de Limpeza.

5 de janeiro de 2016

BOOKS #5 | A Rapariga no Comboio (Paula Hawkins)

Pois é, mais um livro que acabei de ler e, como já vem sido hábito, aqui fica a minha opinião. Desta feita, foi "A Rapariga no Comboio". Confesso que, tendo em conta todo o sururu que tem havido recentemente sobre este livro, as óptimas críticas que tem surgido à volta do mesmo, o meu interesse e curiosidade despertaram e, assim, comprei o livro e pus-me logo a lê-lo :)


2 de janeiro de 2016

Bem-vindo 2016

Chegou um novo ano e com ele (e neste caso em particular) 366 novas oportunidades para crescermos e atingirmos tudo aquilo a que nos propomos. No início de cada ano, e tal como já referi aqui, costumo fazer uma retrospectiva do ano que passou, daquilo que consegui alcançar, os pontos positivos, os negativos, e como cresci com todos eles. Sim, os pontos positivos dão-nos alento e motivação para continuarmos a dar o nosso melhor; os pontos negativos servem para crescermos e percebermos como podemos melhorar para evitar que os mesmos voltem a aparecer.